Conferência internacional discute maior participação policial em missões de paz

Bozovic: Pronto para uma maior participação em missões de paz
20 de março de 2013

KIEV – O Secretário de Estado do Ministério de Assuntos Internos da Sérvia, Vladimir Bozovic, disse hoje que a Sérvio, que está atualmente em três operações de paz com a presença de 13 policiais, está pronto para assumir um papel maior em missões de manutenção da paz.

“Funcionários do Ministério do Interior sérvio participam de missões de paz no Chipre (02), Libéria (06) e Haiti (05). ‘Destaca-se a disposição da Sérvia a tomar uma maior participação, especialmente tendo em conta a grande experiência que a nossa polícia tem”, disse Bozovic resumindo a participação de delegações da Sérvia sobre a terceira Conferência Regional sobre a gestão estratégica da polícia missões de paz da ONU, realizada em Kiev.

Bozovic, que liderou a delegação sérvia, disse que, atualmente, 15.225 policiais de todo o mundo atuam em 12 operações de paz e 07 missões políticas especiais da ONU em todo o mundo. Bozovic disse que a Conferência discutiu as missões de manutenção da paz na Bósnia e no Kosovo, com notas críticas sobre o seu sucesso e problemas. Bozovic, em particular, falou criticamente sobre as missões no Kosovo, onde a chegada de seu 1999 os crimes ocorreram em grande volume e de maneira drástica em violações dos direitos humanos.

“Isto é especialmente importante nestes lugares se destacam, onde o estabelecido quadro jurídico, político e estratégico para futuro”, disse Bozovic.

A conferência, de acordo com Bozovic, enfatizou a necessidade de métodos de harmonização e sofisticação para ser usado no funcionamento das missões de paz policiais, observando todas as normas e padrões das Nações Unidas, a fim de garantir o seu sucesso. Ele acrescentou que todas as experiências tidas em conta, a fim de melhorar o funcionamento das missões policiais internacionais que operam a partir de Vladivostok a Vancouver, a fim de proteger as pessoas e à sua segurança e os direitos humanos e liberdades.
Bozovic, em Kiev, em conversas com o ministro de Assuntos Internos da Ucrânia, Vitaly Jurijevičem Zaharvčenkom, promoveram cooperação bilateral e cooperação entre os dois ministérios.

“Eu, particularmente, destacou a necessidade de uma cooperação mais estreita na luta contra o crime organizado, crime de alta tecnologia e troca de informações que podem ajudar a polícia”, disse Bozovic.
A delegação do Ministério do Interior sérvio na conferência, que é organizada pelo Departamento de Polícia e do Ministério de Assuntos Internos da Ucrânia, o vice-diretor e o chefe de polícia e do departamento de polícia de Pancevo Zvezdan Radojković.

Na conferência, mais de 25 países de todos os continentes e 11 organizações internacionais – a ONU, a UE, a OSCE, a Interpol e outros, enquanto a delegação sérvia nas suas margens conversou com representantes da Rússia, Alemanha, Itália, Estónia, Bósnia, Inglaterra, Canadá, Turquia, Argentina e outros países. A conferência termina amanhã, quando os participantes vão visitar o centro de treinamento da Paz da Academia de Polícia do Ministério do Interior da Ucrânia.

Fonte:
http://vesti.krstarica.com/ (Site da Sérvia)
http://vesti.krstarica.com/vesti-dana/bozovic-spremni-na-vece-ucesce-u-mirovnim-misijama/

PS1: Tradução livre.
PS2: O Brasil não participou, aparentemente, dessa Conferência. A falta de uma política externa do país para uma maior atuação policial, cada dia mais vital para as missões de paz, deixa o Estado brasileiro fora de um debate importante e fundamental em assuntos de segurança internacional, focando-se única e exclusivamente em temas militares, o qual tem todo o seu valor, mas que não deve excluir o componente policial da agenda externa.

Published in: on março 24, 2013 at 1:58 am  Deixe um comentário  

Fotos de Steve McCurry

Altamente recomendável o site e o blog do fotógrafo americano Steve McCurry, conhecido mundialmente pelas coberturas de conflitos armados e fotos vencedoras de prêmios.

Sérgio Carrera

Published in: on maio 26, 2010 at 5:42 pm  Deixe um comentário  

Brazilian Police Blue Berets

Published in: on fevereiro 15, 2010 at 3:51 am  Deixe um comentário  

DPF e Missões de Paz?

Hoje, tomei conhecimento que o Departamento de Polícia Federal (DPF) estaria enviando um efetivo de policiais federais para uma Missão de Paz. Provavelmente, para o Haiti. Dentre os muitos questionamentos que surgem, desde competências e características fundamentais aos policiais, surgem alguns mais enfaticamente, tais como:

– O Exército Brasileiro também está fazendo o controle desses policiais ?

– Qual o papel do Ministério da Defesa nessa questão, visto que é responsável pela gestão relativa ao emprego de policiais e militares em Operações de Paz? (Vale mencionar que o DPF está subordinado a outra pasta, o Ministério da Justiça.)

– Perderia assim o Ministério da Defesa a soberania e controle sobre assuntos de defesa e operações de paz? Ou, por questões políticas, abriria (abrirá) mão desse controle e os  policiais federais seguirão para Missões de Paz sem os protocolos e trâmites existentes e a revelia do Exército e Ministério da Defesa?

– Seria então apenas “bizu”?

– Seria o enfraquecimento do Ministério da Defesa e por consequência, do Exército Brasileiro nessa questão?

– Seria assim o fortalecimento institucional do Ministério da Justiça e DPF?

– E os policiais militares, que há quase 20 anos representam o Brasil em Operações de Paz da ONU, ganhariam ou perderiam com essas mudanças?

Em se concretizando, o país passará por uma grande mudança de paradigmas no que tange a questão de policiais e operações de paz, visto que o tema, até hoje tratado e gerido pelo Ministério da Defesa, passaria a ser “compartilhado” com outro Ministério. Este é assunto para um bom estudo mais aprofundado, que em breve será feito e publicado.

Eu já havia comentado sobre essas possibilidades para o ano de 2010…mas pelo visto, as mudanças estão ocorrendo mais rápido que do muitos pensavam…

Sérgio Carrera

Published in: on fevereiro 3, 2010 at 1:19 am  Comments (6)  

PMDF indicará oficiais superiores para cargos no DPKO

O Comando de Operações Terrestre (COTER), do Exército Brasileiro, promoverá um processo seletivo a fim de selecionar oficiais da PMDF, e de outras Corporações PM, para ocupar dois cargos no Departamento de Operações de Paz (DPKO) da ONU em NY.

1 vaga de P-4 para Tenente Coronel PM + 1 vaga de P-4 para Major PM

Pré-requisitos para indicação do Comandante-Geral:

1. PM da ativa e graduado na Academia da PM;

2. Cursos de mestrado, graduação, pós-graduação ou especialização na área de justiça criminal, direito, ciência política ou outros campos relevantes;

3. Comprovada proficiência, oral e escrita, no idioma inglês e desejável conhecimento de segundo idioma oficial da ONU, preferencialmente o francêsç

4. Experiência em Missão de Paz;

5. Não ter sido condenado ou estar  sendo processado ou sob investigação por ofensas criminais ou disciplinaresç

7. A escolha será feita inicialmente pelo EB, após análise da documentação, e posteriormente em entrevista agendada pelo DPKO (com os pré-selecionados)

8. Período de 2 anos, como secondment

PS = Prazo para entrega da documentação=29 de outubro de 09

Trata-se de excelente oportunidade para a Corporação PM que não pode deixar de ser preenchida. Existe na PMDF um movimento positivo nesse sentido, com o interesse pelo tema por parte do Comando e de todos os níveis da instituição, dada a importância dessa oportunidade, antiga aspiração dos veteranos de Missão de Paz.

 

ONU oferece 15 vagas para PM e FFAA em New York (out 2009)

Segundo informações recebidas, no dia 1º de outubro de 2009, o Secretariado das Nações Unidas solicitou a indicação de Oficiais das Forças Armadas e de Policiais Militares brasileiros para concorrerem às seguintes vagas no Departamento de Operações de Manutenção da Paz (DPKO) e no Departamento de apoio ao Terreno (DFS):

– Chefe de Serviço/Serviço de Planejamento Militar, nível P-5;a

– Chefe de Serviço/Serviço de Geração de Forças, nível P-5;

– Oficial de Ligação Militar/Divisão Militar, nível P-4;

– Oficial de Treinamento/Serviço de Treinamento Integrado, nível P-3;

– Oficial de Polícia/DPKO, nível P-4 (três postos);

– Oficial de Polícia/Divisão Militar, nível P-3;

– Oficial de Treinamento/Divisão Militar, nível P-4 (dois postos);

– Oficial de Apoio Médico/DPKO, nível P-4;

– Assistente Especial do Assessor do Conselheiro Militar/DPKO, nível P-4;

– Oficial de Disciplina/Departamento de Apoio ao Terreno, nível P-4;

– Oficial de Planejamento/Serviço de Planejamento Militar, nível P-4 (sete postos);

– Oficial de Planejamento/ Serviço de Geração de Forças, nível P-4 (dois postos);

– Oficial de Assuntos de Operações de Manutenção da Paz/Serviço de Operações Militares Correntes, nível P-4;

– Oficial de Política e Doutrina/Serviço de Planejamento Militar, nível P-4; e

– Chefe dos Oficiais de Ligação Militar/Serviço de Treinamento Integrado, nível P-5.

Os Oficiais selecionados serão contratados sob regime de “secondment”, para um período inicial de dois anos.  Os requisitos e demais condições relativos a cada posto encontram-se especificados nos “Vacancy Announcements” .

O Secretariado esclarece que os candidatos que tenham obtido aprovação no processo seletivo e não tenham sido chamados para ocupar as vagas para as quais se candidataram poderão, durante o período de um ano, ser convidados a ocupar vagas abertas para cargos similares.

Toda a documentação relativa à indicação dos candidatos às vagas que estão sendo oferecidas deve dar entrada na Missão em NY até o dia 11 de dezembro de 2009, para que possa ser processada e encaminhada ao Secretariado até o dia 21 de dezembro.

Aguardamos com ansiedade a divulgação junto as Polícias Militares. Que essas informações cheguem o quanto antes para que não deixemos,  mais um vez, de ocupar nossos espaços no cenário internacional.

Published in: on outubro 27, 2009 at 12:36 am  Comments (2)  

Oficial da Brigada Militar do RS lança BLOG sobre Policiais Militares em Operações de Paz da ONU

O Capitão Marco Antonio, da Brigada Militar do Rio Grande do Sul, veterano da MINUSTAH (2007/2008), pondo em prática seu espírito futurista e inovador, passou a integrar os blogueiros policiais, mais especificamente voltados para a área de Operações de Paz.

Segundo o Capitão ele busca principalmente “atingir a oficialidade do Rio Grande do Sul e divulgar cada vez mais a nobre missão desempenhada por valorosos oficiais em terras além mar. Mas também tem o objetivo de trazer conhecimento aos interessados em fazer o concurso da IGPM.” … Afirmou ainda que buscamos todos uma “maior valorização e reconhecimento dos “boinas azuis” policiais.”

Parabéns ao nobre veterano e que seus esforços de difundir o conhecimento sejam bem recompensados e gratificantes. Esteja certo em contar com o apoio de seu amigo.

BLOG: UN POLICE – A Polícia nas Operações de Paz da ONU

http://unpolicebrasil.blogspot.com/

Published in: on julho 23, 2009 at 1:55 am  Deixe um comentário  

Português no comando da polícia da ONU em Timor (vídeo)

O intendente da PSP Luís Carrilho está ainda a terminar de fazer as malas para ir para Timor-Leste. Mas já sabe tudo o que quer levar. Além de um terço oferecido pelo Papa, um lenço recebido das mãos do Dalai Lama e uma fotografia da família, o novo comandante da polícia das Nações Unidas na antiga colónia portuguesa quer levar também «esperança» e «vontade de ajudar» o país.

 

2351

Este oficial de 42 anos, natural da ilha de Santa Maria, nos Açores, prepara-se para concluir um ciclo de três anos como chefe de segurança da Presidência da República e regressar a uma ilha que recordou com saudade, numa entrevista dada esta quarta-feira à tarde ao Portugal Diário.

Entre 2000 e 2001, Luís Carrilho foi o primeiro director da Academia de Polícia de Timor. «Foi uma experiência muito rica em termos pessoais e profissionais», contou. «Tivemos milhares de candidatos para concorrer à polícia». Mas apesar disso, nem todos os problemas do jovem país se resolveram e as Nações Unidas têm ainda que apoiar na manutenção da segurança.

De olhos no futuro

«Todos gostávamos que os acontecimentos de 2006 e 2008 não tivessem acontecido. Infelizmente, criminalidade há em todo o lado e eu preferiria apontar e direccionar as minhas energias mais para o futuro e menos para o passado», frisou.

O futuro de Luís Carrilho começa já esta quinta-feira, quando partir para o território ao início da tarde, com uma missão clara. «O mandato da polícia das Nações Unidas tem duas grandes vertentes. A primeira de garantir a lei, a ordem e a tranquilidade públicas, a segunda de capacitação da polícia timorense».

Para o sucesso da missão de um ano, Luís Carrilho conta com a experiência de cerca de 1500 agentes, de mais de 40 nacionalidades, que vai ter a ser cargo. «Os polícias internacionais têm uma riqueza em termos de conhecimentos que trazem dos seus países que podem ser postas ao serviço das Nações Unidas», sublinhou.

Realçando laços históricos, o intendente da PSP considerou também esta com uma missão diferente de outras em que esteve envolvido fora de Portugal, como aconteceu quando esteve em Nova Iorque, em Zagreb e Sarajevo. «Levo uma grande esperança e levo uma grande vontade de ajudar Timor-Leste. Levo Timor no coração».

Fonte: http://diario.iol.pt/sociedade/timor-timor-leste-timor-onu-luis-carrilho/1043769-4071.html

Published in: on abril 7, 2009 at 5:39 pm  Deixe um comentário  

Policiais brasileiros são testados novamente nas Missões (2009)

Os policiais militares brasileiros que ora encontram-se servindo as Nações Unidas, em uma de suas Missões de Paz, estão sendo obrigados a realizarem os mesmo testes que fizeram no Brasil. Isto se deve pelo fato da seleção realizada no país não ter o reconhecimento da ONU. A SAT (Selection Assistance Team) da ONU é responsável por avaliar os policiais pré-selecionados nos próprios países, onde as provas de língua estrangeira, tiro e direção são aplicadas. Como as avaliações no Brasil não tem o reconhecimento da ONU, os nossos policiais militares são um dos pouquíssimos representantes que se exigem novos testes quando chegam nas Missões.

As avaliações do Exército são importantes, pois evitam que os policiais sejam repatriados. Todavia, não tem valor algum para a ONU. O SAT em nada onera o Brasil. Como bem sugerido por um veterano, o EB poderia contiuar “liaison entre SAT e PM”, após pré-seleção e evitar constrangimentos aos nossos policiais.

Published in: on abril 4, 2009 at 3:14 am  Deixe um comentário  

Exposição sobre o Haiti em Brasília

A Embaixada do Canadá e o Museu Nacional promovem a exposição “No coração do Haiti”, com fotografias de Fernando Ramos e com reportagens de Iara Lemos.

Inauguração: 08 de abril, às 19h30.

Exposição: 09 de abril a 03 de maio de 2009, de terça a domingo das 09h00 às 18h30.

Local: Galeria 1, térreo do Museu Nacional de Brasília, Conjunto Cultural da República, Esplanada dos Ministérios, Brasília-DF.

Published in: on abril 4, 2009 at 1:38 am  Comments (1)  

Quantos policiais participam atualmente de Missões de Paz da ONU? Quantos policiais brasileiros?

1 Jordania 1073
2 Bangladeche 962
3 Nigéria 916
4 Nepal 799
5 Paquistão 699
6 Índia  593
7 Gana 576
8 Senegal 491
9 Malásia 259
10 China 222
11 Portugal 219
12 Níger 211
13 Filipinas 202
14 Filipinas 168
15 Costa do Marfim 166
16 Zâmbia 166
17 Indonésia 164
18 Camarões 158
19 África do Sul 157
20 Benin 139
21 França 111
22 Canadá 107
23 Zimbábue 102
24 Uganda 101
25 Iêmem 94
26 Sri Lanka 87
27 Gâmbia 85
28 Burkina Faso 82
29 Guiné 82
30 Ruanda 82
31 Egito 81
32 EUA 78
33 Austrália 76
34 Mali 74
35 Rússia 52
36 Djibouti 51
37 Fiji 50
38 Espanha 49
39 Romênia 47
40 Suécia 46
41 El Salvador 43
42 Madagascar 42
43 Chade 40
44 Ucrânia 40
45 Quênia 38
46 Burundi 28
47 Rep África Central 28
48 Togo 26
49 Nova Zelândia 25
50 Namíbia 23
51 Países Baixos 23
52 Congo 22
53 Alemanha 21
54 Singapura 21
55 Noruega 20
56 Samoa 20
57 Malawi 19
58 Serra leoa 19
59 Vanuatu 19
60 Bósnia e Her 18
61 Irlanda  18
62 jamaica 17
63 Uruguai 17
64 Chile 15
65 Etiópia 15
66 Argentina 11
67 Brasil 11
68 Itália 11
69 Croacia 10
70 Curguistão 10
71 Tanzânia 9
72 Sérvia 8
73 Tailândia 8
74 Colômbia 7
75 Rep Checa 7
76 Finlândia 6
77 Líbia 5
78 Polônia 5
79 Tajiquistão 5
80 Suíça 4
81 Bostwana 3
82 Granada 3
83 Islândia 2
84 Palau 2
85 Bulgaria 1
86 Dinamarca 1
87 Eslováquia 1
88 Grécia 1
89 Israel 1
90 Mauritânia 1
91 Reino Unido 1
92 Rep da Coréia 1
93 Albania 0
94 Argéria 0
95 Austria 0
96 Bélgica 0
97 Bolívia 0
98 Brunei 0
99 Cambojda 0
100 Catar 0
101 Cazaquistão 0
102 Chipre 0
103 Equador 0
104 Eslovênia 0
105 Estônia 0
106 Gabão 0
107 Guatemala 0
108 Honduras 0
109 Hungria 0
110 Japão 0
111 Lituânia 0
112 Macedônia 0
113 Marrocos 0
114 Moçambique 0
115 Moldova 0
116 Mongólia 0
117 Montenegro 0
118 Paraguai 0
119 Peru 0
120 Tunísia 0
10629
28/fev/09  
Published in: on março 14, 2009 at 1:02 am  Deixe um comentário  

Reportagem sobre PMs em Missões de Paz – Record DF

Reportagem exibida pela TV RECORD Centro-Oeste sobre os policiais militares em Missão de Paz.

 

http://www.coter. eb.mil.br/ 3sch/IGPM/ site%20IGPM/ web%20site/ videos/Filmete% 20Missão%20de% 20Paz%20. wmv

Published in: on novembro 25, 2008 at 1:38 pm  Deixe um comentário